Figura central na história da Igreja, o bispo Agostinho de Hipona (354–430) influenciou decisivamente o pensamento católico e protestante. Confissões apresenta-se como a primeira obra que explora amplamente os estados interiores da mente humana e o relacionamento mútuo entre graça e livre-arbítrio. Esta autobiografia espiritual extraordinariamente honesta e reveladora aborda questões fundamentais da doutrina cristã. Ao investigar as diversas vicissitudes do ser humano, seus erros e sofrimentos, Agostinho descobre a vigorosa presença de Deus e sua providência.
Show more